CLICK HERE FOR FREE BLOG LAYOUTS, LINK BUTTONS AND MORE! »

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Heitor

Para quem não sabe, Heitor é o meu bebê. Vou falar um pouco sobre ele...
O Heitor é o bebê mais lindo do mundo (como toda mãe diria do seu próprio filho .... rs), mais lindo ainda pq deixa a mãe dele fazer os bordadinhos q ela tanto ama!!! rsrsrs
Tem 2 meses e 10 dias, é risonho, durinho (segundo a avó dele, ele muito firme para a idade) e dorme sozinho (depois de treinar bastante)... mas está cheio de brotoejas, coitado... e isso é o q me chateia um pouco... acho q ele é muito calorento igual ao pai... está na fase do início dos barulhinhos e a ensaiar para gargalhar (é engraçado, pq ele treina sozinho... bem, sozinho não... os bichinhos do móbile do berço participam!!!).

Falando nele...
Tive um pesadelo horroroso hoje...




Eu pedia para minha irmã o levar para a natação (q chique), pq eu tinha algo muito importante para fazer. Quando cheguei, perguntei: - Irmã, cadê o Heitor?
- Ué, tá na natação
- Como assim? Vc não ficou com ele lá? (angústia, ansiedade, preocupação em ascenção)
- Não...
- Mas ele só mamou às 8:30!!! Ele deve estar faminto!!! Vamos lá pegá-lo! (sentimentos quase no topo)
- Ilka, agora não adianta! O trânsito está horrível. Depois a gente vai.
Cheguei lá (não sei como) e estava cheio de gente, a piscina cheia (tinha de estar, né...), tinha até uns bebês soltos na água (!!!!) e eu procurei esse bebê por todo lado e nada (sentimentos no clímax)... até q uns fisioterapeutas disseram q um bebê tinha sido levado para o hospital com traumatismo craniano e outro com desnutrição e eu:
- Imagina! Meu filho veio pra cá normalzinho!!! Não pode ser ele, ele tem 59cm!!! (???)
Aí eu acordei chorando... e chorei mais um pouco qdo contei pro maridão....

Deeeeeus me livre desses sentimentos!!!!! Como uma amiga diria, vivenciá-los em sonho pra não experimentá-los na realidade...
Espero...

2 comentários:

Simone Arrais disse...

Ai, amiga! Que pesadelo horrível! Eu também os tinha, quando os meninos eram bebês... Acho que pode estar ligado à nossa ansiedade em dar conta desse novo estatuto: ser mãe. Espero que você esteja bem! Obrigada pelo comentário, viu? bjs!

Rita Bartolo Artesanato disse...

Oi Ilka!
Graças a Deus, foi só um pesadelo.
Quando os meus eram pequenos ( tenho tres), minha neura era tanta, que se eles não estivessem se mexendo quando dormiam, eu ia verificar a respiração. Pode? Quando o primeiro nasceu, já na maternidade, teve uma crise de choro, afinal tinha uma vida sob minha responsabilidade. Tres fatores são básicos: amor, diálogo e limite.
Caramba, tô falando demais rsrs, é que esse tema me encanta.
Amei seu blog. Tenho dois mimos pra vc, meu link e meu selinho, passe lá e leve contigo.
depois eu volto tá.
Bjs e muita saúde pro seu rebento.
ritabartoloartesanato.blogspot.com

Postar um comentário

Vai comentar?! Hmmm!!! Ótimo!!! Adooooro comentários!!! Retornarei os comentários nos seus blogs, ok?!
Bjks